terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Levada do Norte



PT: 
Levada do Norte é uma das mais emblemáticas da Ilha da Madeira. A Levada do Norte é uma levada de significativas dimensões e caudal, construída com o objectivo de transportar água para rega, desde o Seixal e São Vicente no norte, até ao sul, nomeadamente até aos concelhos da Ribeira Brava e de Câmara de Lobos. Com uma extensão de cerca de 60 km, dividida em três troços, a importância da Levada do Norte foi, logo aquando da sua inauguração, reconhecida como obra estruturante para o desenvolvimento da Madeira. 


A Levada do Norte começou a ser construída em 1947. Contudo, foi apenas 5 anos depois, em 1 de junho de 1952, que a água correu pela primeira vez, transportando para o sul as águas captadas nas Fontes da Hortelã (Seixal) e São Vicente, no norte. Os mais altos dignitários do Estado Português deslocaram-se à Madeira para consagrar a abertura da Levada. Centenas de cidadãos apadrinharam os primeiros passos da água na Levada do Norte, percorrendo-a desde a Ribeira Brava até Câmara de Lobos, onde decorreu uma missa campal. Até então, e como comprovam relatos arrebatados da época, a Levada do Norte corporizava a mais complexa e morosa obra humana alguma vez realizada na Madeira.

Levada do Norte também é muito importante, não só como recurso hídrico mas também para a produção de energia alimentando as centrais hidroeléctricas da Serra d'Água e dos Socorridos.


EN: 
Levada do Norte (Levada from the north) is one of the most emblematic of the island of MadeiraLevada do Norte is a levada with significant dimensions and flow, built in order to transport water for irrigation from Seixaland São Vicente in the north to the south, particularly to the municipalities of Ribeira Brava and Câmara de Lobos.
With a length of about 60 km, divided into three sections, the importance of Levada do Norte was, shortly upon its opening, known as a structuring project for the development of Madeira.

Levada do Norte started being built in 1947. However, it was only five years later, on June 1, 1952, that the water flowed first, carrying the waters to the south captured in Fontes da Hortelã (Seixal) and São Vicente in the north. The highest dignitaries of the Portuguese State traveled to Madeira to consecrate the opening of the l. Hundreds of citizens patronized the first steps of the water in Levada do Norte, covering it from Ribeira Bravato Câmara de Lobos, where an outdoor mass was held. Until then, and as evidenced by reports at the time,Levada do Norte embodied the most complex and time-consuming human work ever held in Madeira.

Levada do Norte is also very important, not only as a water resource but also for the production of energy feeding the hydroelectric plants of Serra d'Água and Socorridos.



0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Videos